Priscilla McInnes Queiroz Campos

Etihad anuncia crescimento de 19% no primeiro trimestre

A Etihad Airway registrou uma receita com passageiros de US$900 milhões contra  US$758 milhões no ano passado, um aumento de 19% e receita com carga de US$193 milhões (2012: US$165 milhões), um aumento de 17%. O número de passageiros transportados no 1º trimestre de 2013 aumentou em 18%, de 2,3 milhões para um recorde de 2,8 milhões. Já o fator de ocupação média foi 80,5%, quatro pontos percentuais a mais do que no ano anterior (2012: 76,5%), apesar de um aumento de 12% na capacidade.A ocupação está acima da média global atual da IATA de 77,1%. A Etihad Cargo também registrou seu mais forte primeiro trimestre, com um aumento de tonelagem de 20%, de 85.152 para 101.776 toneladas.



“Os resultados do nosso 1º trimestre de 2013 superaram novamente as tendências globais, registramos o trimestre mais forte da nossa história para a receita de passageiros”, destaca James Hogan, CEO da Etihad Airways. "Esse desempenho demonstra que a estratégia de crescimento orgânico, as amplas parcerias e os investimentos estratégicos da Etihad Airways estão proporcionando resultados para nós e nossos parceiros".

A receita com parcerias de capital e codeshare aumentou 34%, saltando de US$136 milhões para US$182 milhões nos primeiros três meses do ano, o que representa 20% do lucro total no trimestre. "Além de aumentar a receita de faturamento, nossas parcerias de capital vão melhorar os resultados finais, por meio da redução de custos obtida através de sinergias operacionais", disse Hogan.

A aliança de capital da Etihad Airways inclui a Airberlin, Air Seychelles, Virgin Australia, e Aer Lingus. Cada companhia aérea anunciou resultados lucrativos durante o primeiro trimestre de 2013, o que demonstra o sucesso deste novo modelo de aliança para todas as companhias aéreas participantes.
Os assentos por quilômetro disponível aumentaram 12% no 1º trimestre de 2013 para 15,9 bilhões (2012: 14,3 bilhões), a frota (incluindo passageiros e carga) cresceu para 73 aeronaves (2012: 66 aeronaves). A receita de passageiros por quilômetros (RPK, em inglês) aumentou 17%, para 12,9 bilhões (2012: 10,9 bilhões), superando acentuadamente o crescimento da capacidade.

Contrariando as tendências do setor, a Etihad Cargo obteve novas altas no primeiro trimestre. Os volumes foram 20% maiores (em capacidade de crescimento de 19%). Este aumento foi impulsionado por um forte desempenho no Nordeste da Ásia, combinado com um bom crescimento do subcontinente indiano a partir de meados de fevereiro. A nova operação de carga duas vezes por semana, de Houston para Abu Dhabi, ajudou a melhorar os resultados.

A Etihad Cargo recebeu um novo Boeing 777 cargueiro, que foi implantado em rotas europeias e africanas durante o trimestre. Um segundo Boeing 747 cargueiro entrou na frota no final de março, resultando em frota total de carga de oito aeronaves. Os sólidos resultados de charter de carga também sustentaram a capacidade e flexibilidade da operação de carga. A empresa comemora o seu 10º aniversário de operações.


As informações são"M&E por Anderson Masetto".Sempre é citado o link de referência.

Priscilla McInnes Queiroz Campos

About Priscilla McInnes Queiroz Campos -

Author Description here.. Nulla sagittis convallis. Curabitur consequat. Quisque metus enim, venenatis fermentum, mollis in, porta et, nibh. Duis vulputate elit in elit. Mauris dictum libero id justo.

Subscribe to this Blog via Email :
© Copyright 2017 12Aérea News. Designed by HTML5 | Distributed By . G12horas.Aerea.