Grupo12Horas.Aérea

Abertura de capital da Multiplus, programa de fidelidade de TAM, pode gerar mais de R$ 1,2 bilhão

A oferta pública inicial de ações da Multiplus, empresa criada pela TAM para gerir seu programa de fidelidade e o de empresas parceiras, pode movimentar mais de R$ 1,2 bilhão, segundo aviso ao mercado divulgado nesta terça-feira pela empresa.

A distribuição inicial compreende a venda de 39,34 milhões de ações ordinárias. A emissão poderá ser acrescida de um lote suplementar de 5,901 milhões de papéis (15% da inicial), a critério dos bancos coordenadores. Também poderá receber um lote adicional de 7,868 milhões de ações (20% da inicial), dependendo do interesse da controladora TAM.

O prospecto preliminar da oferta considera que o preço da ação deve ficar entre R$ 18 e R$ 24 por papel. Assim, a empresa poderia captar até R$ 944,16 milhões brutos na operação inicial, se o valor sair no teto da estimativa. Caso os lotes suplementar e adicional sejam integralmente exercidos, e ainda considerando o teto da faixa, a oferta poderia movimentar R$ 1,275 bilhão.

A oferta no Brasil será coordenada pelo banco BTG Pactual, em conjunto com o Credit Suisse e com participação do BB Banco de Investimento. No exterior, os esforços de venda ficarão a cargo do BTG Capital, UBS Securities, Credit Suisse Securities e Raymond James Financial.

As pessoas físicas poderão tomar parte na oferta com investimento mínimo de R$ 3 mil e máximo de R$ 300 mil. Os pedidos de reserva devem ser efetuados entre os dias 26 de janeiro e 3 de fevereiro. Ainda de acordo com o cronograma estimado, o preço por ação será definido dia 3 de fevereiro e os papéis chegam ao Novo Mercado da Bovespa no dia 5.

Como a Multiplus vai gerar receita

A receita da Multiplus virá das empresas parceiras, cujos pontos do programa de fidelidade administra. Elas irão pagá-la por esta administração de pontos, que podem ser trocados por prêmios, que são passagens aéreas ou produtos desses parceiros (eletroeletrônicos, livros, aluguéis de veículos e outros). O pagamento será proporcional à pontuação total administrada e ao número de clientes fidelizados.

Entretanto, de acordo com a assessoria de imprensa da nova companhia, maiores detalhes sobre o cálculo deste pagamento só serão divulgados depois que acabar o período de silêncio que precede o IPO.

Como a TAM é hoje a principal parceira do Multiplus, o grande custo operacional da empresa no primeiro momento é a compra das passagens. Segundo o prospecto, em setembro de 2009 a rede do Programa TAM Fidelidade tinha 100 parceiros comerciais no Brasil e 6,3 milhões de participantes. A empresa pretende usar os recursos captados principalmente para comprar antecipadamente passagens-prêmio da TAM.

A TAM criou a unidade em junho passado para atuar com empresas parceiras do grupo de aviação com oferta de serviços que fomentem fidelização de clientes da aérea e de parceiros. Na época, a empresa informou que a intenção era tornar a unidade independente, com uma eventual abertura de capital.



FONTE:O Globo

Grupo12Horas.Aérea

About Grupo12Horas.Aérea -

Author Description here.. Nulla sagittis convallis. Curabitur consequat. Quisque metus enim, venenatis fermentum, mollis in, porta et, nibh. Duis vulputate elit in elit. Mauris dictum libero id justo.

Subscribe to this Blog via Email :
© Copyright 2017 12Aérea News. Designed by HTML5 | Distributed By . G12horas.Aerea.